Quarta-feira, 8 de Janeiro de 2014

...

«SHORT-STORIES»

JOSÉ LANÇA-COELHO

 

NATAL

    Depois de duas horas de conversa com o polícia que o levou para a esquadra, e aquele o ter convidado para um copo de champanhe, confessou que não suportava bebidas alcoólicas, e que só tinha roubado uma garrafa de vinho no supermercado, para ser preso e não passar sozinho mais uma noite de Natal.

+++++++++++++++++++++++

 

RÉVEILLON

    Deu consigo com uma garrafa de espumante numa mão e um copo de plástico na outra, no meio de uma multidão que, se preparava para dar as boas vindas ao novo ano. Depois, caiu em si e, percebeu que apenas ia comemorar o aumento desenfreado de impostos e a redução da precária pensão de reforma. E voltou para a miséria da sua casa.

++++++++++++++

ECONOMIA

    - Doutor, desculpe a minha intromissão no seu trabalho, mas deve haver aqui algum engano. Diagnosticaram-me um atrofiamento da próstata e estão a dar-me uma pilula anticoncepcional – disse o doente.

    - Então e o senhor não sabe que o ministro da saúde nos mandou fazer economias de todo o tipo, incluindo os remédios, e que nos penaliza se gastarmos mais dinheiro em medicamentos do que o ano passado. Assim, estamos a aproveitar uma campanha vinda do 3º mundo para diminuir a natalidade, em que distribuem, inteiramente grátis, pilulas anticoncepcionais às mulheres. E, ao fim e ao cabo, próstata e anticoncepcionais, vai tudo dar ao mesmo, pois ambos respeitam ao aparelho reprodutor.

 

+++++++++++++++++++++

A METRALHADORA

    - Isto só à metralhadora!

    Mas onde comprá-la? Na feira dos ciganos ou na loja dos chineses?

    E depois, há que ter cuidado com a ASAE, pois a arma pode ter sido contrafeita…

 

++++++++++++++++++++

 

HETERÓNIMO?

    Um dos estudiosos de Fernando Pessoa afirma que, descobriu mais um heterónimo do grande poeta. Outro, que andou a rebuscar na arca pessoana sem fundo, diz que o Poeta fixara heterónimos de irmãos, primos e outros familiares, dos seus heterónimos principais como, Álvaro de Campos e quejandos. E eu pergunto-me, não será que eu sou um heterónimo, do seu heterónimo Eduardo Lança? Ou, mais profundo ainda, não será que Fernando Pessoa é um heterónimo de outra qualquer «Pessoa»?

++++++++++++++++++++++++

 

publicado por cempalavras às 14:40
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. ...

. DIÁRIO IRREGULAR

. ORAÇÃO A DEUS, de VOLTAIR...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Setembro 2012

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds